Afonia

escondiEscondi minha voz não se veste às aparências que induz seu título. Com um dispositivo de enredo doméstico, calcado na formação sentimental de um menino que, aos quatro anos, não fala, o romance da iraniana Parinoush Saniee pode (ou deve) ser lido como uma grande metáfora da opressão institucionalizada em seu país.

Shahab é o segundo de uma família de três filhos. Vive sob a sombra desleal do irmão mais velho, Arash, considerado um gênio e a quem o pai direciona suas reservas financeira e afetiva. Shahab é maltratado e ridicularizado por todos, chamado inclusive pelos próprios familiares de tonto.

Por conta disso, desenvolve um comportamento introspectivo e violento. Seus únicos interlocutores são os amigos imaginários Ali e Babi, que o encoraja a cometer atos de vingança, como arremessar um pedaço de tijolo na cabeça de sua avó, que fez um comentário negativo a seu respeito.

Sua defesa se resume ao escudo complacente da mãe, Maryam, uma mulher que passou pela universidade e agora se limita a cuidar dos filhos. Maryam é um ponto de desiquilíbrio da trama, sobretudo por dividir a narração da história com o filho, o que garante um olhar mais maduro e abrangente sobre a realidade político-social de seu país.

Em seu debute literário, O livro do destino, Saniee partia da história de um amor proibido para denunciar a repressão e os abusos sofridos pelas mulheres iranianas (não por menos o livro foi banido pelo governo). Através de um acontecimento paralelo, o drama de uma adolescente revive o tema e, mesmo nas relações familiares, a interação entre as figuras femininas estabelece um contraponto entre a aceitação e a resistência em relação à tirania masculina.

Em seu aspecto íntimo, a vida de Shahab muda quando o menino se aproxima justamente da avó que feriu. O silêncio, em seu sentido próprio e figurado, quebra-se a partir do momento em que o sufocamento se desfaz em compreensão e tolerância.

***

Livro: Escondi minha voz

Editora: Bertrand Brasil

Avaliação: Bom

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s