Bruteza & Luz

albertoColosso de mil páginas, Poesia completa reúne mais de dois mil poemas do pernambucano Alberto da Cunha Melo, morto em 2007.

São 15 livros publicados – entre os quais, Yacala, um dos mais extensos poemas da língua portuguesa – e toda uma coleção de textos inéditos, que inclui uma obra lapidarmente consolidada e narrativas esparsas e inacabadas, extraídas de manuscritos aos moldes de preciosidades ainda em estado bruto.

Por ser uma coletânea que abrange 40 anos de produção, fica evidente a experiência de (auto)descoberta do autor, que vai das preocupações formais aos temas eleitos.

Com influência confessa do conterrâneo João Cabral de Melo Neto, Alberto transita entre o concreto e o abstrato, com mesma intensidade.

Versa sobre os problemas sociais, as chagas de sua terra-mãe, a própria biografia a lume da memória do povo nas vagas da história, passando por considerações de natureza existencial, a tirania dos afetos, a finitude e a vigilância dos versos que se concentram no fazer literário.

Largamente presente no meio acadêmico, a obra de Alberto da Cunha Melo torna-se, finalmente, acessível ao leitor comum, num projeto muito caprichado.

A organização é de Cláudia Cordeiro Tavares da Cunha Melo, viúva do autor.

***

Livro: Poesia completa de Alberto da Cunha Melo

Editora: Record

Avaliação: Excelente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s