Daemon

luminosoUm romance sobre a impossibilidade de se escrever um romance. Um romance sobre a impossibilidade de transpor as ideias para a escrita sem que, nesse trajeto, elas se desnaturalizem, contudo, a despeito do fracasso, cresça em si um apanhado de experiências luminosas durante a tentativa.

É isso O romance luminoso, de Mario Levrero? Sim, não, talvez. A melhor pergunta seria: Quem é O romance luminoso, de Mario Levrero?

Na história universal da literatura, nenhum relato conseguiu transmitir, com tamanha veracidade, a identidade de seu autor durante seu processo de construção; ou, neste caso, de aceitação da derrota, de que um livro é algo de um conteúdo interno que o escritor traveste para que o disfarce pareça literatura.

É um procedimento de falha, um acumulado de fragmentos confessionais que simulam um diário, mas é, de fato, uma crônica de acontecimentos que, como afirma o autor, não pode se transmutar em literatura, pois não consegue libertar-se de uma cadeia de pensamentos. É o que, portanto, existe a partir da negação da existência.

Seria, desse modo, enganoso sustentar que se trata de um não romance, porque o romance está presente, embora eternamente incompleto. Levrero, querendo ou não, constitui um gênero que faz do cotidiano uma saída para o encargo do fazer literário, registrando o curso do vivido como uma tentativa de tocar a impossibilidade.

Essa é a aventura do desejo solitário: escrever, ainda que sem molde, ainda que com peças faltando, um livro. Escrever, apenas, como quem vive. Aos outros cabem prensar rótulos e a história é quem elege as obras-primas.

***

Livro: O romance luminoso

Editora: Companhia das Letras

Avaliação: Excelente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s